• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Amizade: um verdadeiro presente

Por Sophia Rodovalho
Que delicia falar sobre amizade... estava buscando um tema leve para encerrar a semana ‘pesada’, quando minha bff (best friend forever) me deu a sugestão: “Ah, fala sobre amizade!”. Como negar essa sugestão de ouro?

Já dizia Francis Bacon: “A amizade duplica as alegrias e divide as tristezas.”, sim, a amizade nos ajuda a dividir as tristezas e as dificuldades, nos ajuda a pensarmos juntos sobre solução de problemas, um bom amigo carrega conosco as dificuldades do dia-a-dia e sobretudo, um amigo de verdade se diverte conosco, vibra com nosso sucesso, se alegra com nossa alegria!

Só quem tem um amigo conhece a alegria, a calma, a segurança de ter alguém tão próximo, ainda que distante, alguém que nos conhece e aos nossos defeitos e nos ama com eles, apesar deles e por causa deles.

Minha doce bff que o diga! Ela sempre diz: “Ah, eu te conheço ... te amo!”. Que bálsamo e que segurança me traz esta frase. Que delícia ouvir ‘que me conhece e me ama’! Que honra! Que presente!

Áh, amigos não brigam! Pam! MENTIRA! Brigam, se desentendem, ficam bravos, de bico um com o outro, dão risadas dos bicos e das bravezas, sentem saudade das risadas, da leveza de ‘serem eles mesmos’, voltam atrás, se perdoam, porque se amam. “Não se pode ir longe na amizade sem se estar disposto a perdoar os pequenos defeitos um ao outro.” Jean de la Bruyere.

Esses dias, ficamos bravas uma com a outra, eu e Má, minha bff, e ela: “Você tá bava?” e em seguida aquela gargalhada gostosa! Estou? Não, estava! Por que? Não sei, não me lembro... nem ideia tenho mais... O som de sua gargalhada apagou de minha memória as razões que me levaram a estar brava e de bico, pois o amor que nos une, a felicidade de ouvir sua voz é mais forte do que qualquer outra coisa!

Amigo é aquele que sabe o que estamos ‘pensando’ da situação só de olhar pra nós, é aquele que ‘nos vê’ em determinadas situações, ainda que não estejamos por perto, é aquele que sabem exatamente o que diremos ainda que nem tenhamos falado nada...

Esses dias soube que muitas das frases que falo com frequência são ‘memes’ para meus dois bffs, que as repetiram de forma caricata e rindo muito. Eu quase fiquei brava, mas caí na risada com eles, pois imitaram exatamente minhas palavras, meu tom de voz, as sílabas tônicas da palavras... virei meme! Como assim?! Só amigo mesmo para conhecer tão a fundo e imitar com tanta pefeição e graça!

Amizade é leveza, é amor, é companheirismo, é suporte, é apoio, é ombro amigo, é a voz da consciência, é empatia, é cumplicidade, é carinho, é escuta, é gostoso! É fundamental!

Encerro a coluna dessa semana com um convite a reflexão: “Só quem possui a força de uma amizade consegue levar a vida com leveza.” Autor desconhecido

Amizade: um verdadeiro presente

Por Sophia Rodovalho
Que delicia falar sobre amizade... estava buscando um tema leve para encerrar a semana ‘pesada’, quando minha bff (best friend forever) me deu a sugestão: “Ah, fala sobre amizade!”. Como negar essa sugestão de ouro?

Já dizia Francis Bacon: “A amizade duplica as alegrias e divide as tristezas.”, sim, a amizade nos ajuda a dividir as tristezas e as dificuldades, nos ajuda a pensarmos juntos sobre solução de problemas, um bom amigo carrega conosco as dificuldades do dia-a-dia e sobretudo, um amigo de verdade se diverte conosco, vibra com nosso sucesso, se alegra com nossa alegria!

Só quem tem um amigo conhece a alegria, a calma, a segurança de ter alguém tão próximo, ainda que distante, alguém que nos conhece e aos nossos defeitos e nos ama com eles, apesar deles e por causa deles.

Minha doce bff que o diga! Ela sempre diz: “Ah, eu te conheço ... te amo!”. Que bálsamo e que segurança me traz esta frase. Que delícia ouvir ‘que me conhece e me ama’! Que honra! Que presente!

Áh, amigos não brigam! Pam! MENTIRA! Brigam, se desentendem, ficam bravos, de bico um com o outro, dão risadas dos bicos e das bravezas, sentem saudade das risadas, da leveza de ‘serem eles mesmos’, voltam atrás, se perdoam, porque se amam. “Não se pode ir longe na amizade sem se estar disposto a perdoar os pequenos defeitos um ao outro.” Jean de la Bruyere.

Esses dias, ficamos bravas uma com a outra, eu e Má, minha bff, e ela: “Você tá bava?” e em seguida aquela gargalhada gostosa! Estou? Não, estava! Por que? Não sei, não me lembro... nem ideia tenho mais... O som de sua gargalhada apagou de minha memória as razões que me levaram a estar brava e de bico, pois o amor que nos une, a felicidade de ouvir sua voz é mais forte do que qualquer outra coisa!

Amigo é aquele que sabe o que estamos ‘pensando’ da situação só de olhar pra nós, é aquele que ‘nos vê’ em determinadas situações, ainda que não estejamos por perto, é aquele que sabem exatamente o que diremos ainda que nem tenhamos falado nada...

Esses dias soube que muitas das frases que falo com frequência são ‘memes’ para meus dois bffs, que as repetiram de forma caricata e rindo muito. Eu quase fiquei brava, mas caí na risada com eles, pois imitaram exatamente minhas palavras, meu tom de voz, as sílabas tônicas da palavras... virei meme! Como assim?! Só amigo mesmo para conhecer tão a fundo e imitar com tanta pefeição e graça!

Amizade é leveza, é amor, é companheirismo, é suporte, é apoio, é ombro amigo, é a voz da consciência, é empatia, é cumplicidade, é carinho, é escuta, é gostoso! É fundamental!

Encerro a coluna dessa semana com um convite a reflexão: “Só quem possui a força de uma amizade consegue levar a vida com leveza.” Autor desconhecido

INSTAGRAM

Loading interface...
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!