• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Idosa de 99 anos curada do coronavírus já sobreviveu a bomba da 2ª Guerra

Por Redação Rápido no Ar
Uma idosa britânica, de 99 anos, que já sobreviveu a uma bomba da Segunda Guerra Mundial, recebeu alta de um hospital no Reino Unido essa semana após estar curada do coronavírus. Rita Reynolds foi diagnostica com a Covid-19 no dia 25 de março.

A família já havia sido instruída pelos médicos a esperar pelo pior, assim que sua saúde se agravou ao dar entrada na instituição. Mas contrariando os médicos, Rita conseguiu se recuperar, surpreendendo a todos.

Essa não é a primeira vez que a idosa passa por um desafio histórico. Aos 21 anos, ela foi surpreendida por uma bomba que caiu ao lado de fora de sua casa, em Liverpool. Rita teria se recusado a ir para um abrigo antiaéreo, pois queria ler um livro e escondeu-se embaixo de uma mesa e assim conseguiu escapar do ataque.

"Eu tinha certeza de que era isso [morte] para ela. Ela tem 99 anos, não achei que pudesse se recuperar disso. Não sei como ela conseguiu. Acho que ela nunca comeu uma verdura ou uma fruta. Ela vive comendo sanduíches e biscoitos. Mas nunca fumou ou bebeu", disse um neto da idosa.

Idosa de 99 anos curada do coronavírus já sobreviveu a bomba da 2ª Guerra

Por Redação Rápido no Ar
Uma idosa britânica, de 99 anos, que já sobreviveu a uma bomba da Segunda Guerra Mundial, recebeu alta de um hospital no Reino Unido essa semana após estar curada do coronavírus. Rita Reynolds foi diagnostica com a Covid-19 no dia 25 de março.

A família já havia sido instruída pelos médicos a esperar pelo pior, assim que sua saúde se agravou ao dar entrada na instituição. Mas contrariando os médicos, Rita conseguiu se recuperar, surpreendendo a todos.

Essa não é a primeira vez que a idosa passa por um desafio histórico. Aos 21 anos, ela foi surpreendida por uma bomba que caiu ao lado de fora de sua casa, em Liverpool. Rita teria se recusado a ir para um abrigo antiaéreo, pois queria ler um livro e escondeu-se embaixo de uma mesa e assim conseguiu escapar do ataque.

"Eu tinha certeza de que era isso [morte] para ela. Ela tem 99 anos, não achei que pudesse se recuperar disso. Não sei como ela conseguiu. Acho que ela nunca comeu uma verdura ou uma fruta. Ela vive comendo sanduíches e biscoitos. Mas nunca fumou ou bebeu", disse um neto da idosa.

INSTAGRAM

Loading interface...
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!