• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Vigilância Sanitária capturou cerca de 20 mil escorpiões este ano em Americana

Por Fernando Covre
A Vigilância Sanitária, por meio do PVCE (Programa de Vigilância e Controle de Carrapatos e Escorpiões) divulgou que somente neste ano de 2019 foram capturados cerca de 20 mil escorpiões, em Americana (SP).

O número é considerado um recorde, chegando a ser 40 % maior que o ano passado, que registrou 14,3 mil capturas.

Um dado positivo é que o número de acidentes por picadas de escorpião caiu, foram 427 em 2019, contra 484 no ano passado. De acordo com a prefeitura, isso se dá porque está sendo realizado um trabalho intenso com os técnicos do PVCE.

A prefeitura também relata que os locais onde foram encontrados mais escorpiões, foram nos dois Cemitérios da cidade, Saudade e Parque Gramado. E por isso, os bairros mais afetados foram os que ficam em seus entornos.

O grande número de baratas contribui para o aumento do aracnídeo, já que ele se alimenta desses insetos. O DAE (Departamento de Água e Esgoto) já foi acionado e já está realizando trabalho de dedetização das redes de esgoto para diminuir a proliferação de baratas e consequentemente de escorpiões.


Vigilância Sanitária capturou cerca de 20 mil escorpiões este ano em Americana

Por Fernando Covre
A Vigilância Sanitária, por meio do PVCE (Programa de Vigilância e Controle de Carrapatos e Escorpiões) divulgou que somente neste ano de 2019 foram capturados cerca de 20 mil escorpiões, em Americana (SP).

O número é considerado um recorde, chegando a ser 40 % maior que o ano passado, que registrou 14,3 mil capturas.

Um dado positivo é que o número de acidentes por picadas de escorpião caiu, foram 427 em 2019, contra 484 no ano passado. De acordo com a prefeitura, isso se dá porque está sendo realizado um trabalho intenso com os técnicos do PVCE.

A prefeitura também relata que os locais onde foram encontrados mais escorpiões, foram nos dois Cemitérios da cidade, Saudade e Parque Gramado. E por isso, os bairros mais afetados foram os que ficam em seus entornos.

O grande número de baratas contribui para o aumento do aracnídeo, já que ele se alimenta desses insetos. O DAE (Departamento de Água e Esgoto) já foi acionado e já está realizando trabalho de dedetização das redes de esgoto para diminuir a proliferação de baratas e consequentemente de escorpiões.


INSTAGRAM

Loading interface...
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!