• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Polícias Civil e Militar recuperam 330 mil maços de cigarros roubados

Por Redação Rápido no Ar
As Polícias Militar e Civil apreenderam, na manhã desta quinta-feira (30), parte de uma carga de cigarros que havia sido roubada na cidade de Sumaré (SP).

Os produtos estavam armazenados em um caminhão baú, deixado em um imóvel na rua José da Silva Leme, no Núcleo Residencial Sequoia, em Várzea Paulista, no interior do Estado.

Policiais militares do 49° Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM/I) foram abordados por um dos funcionários da empresa de rastreamento da carga e informados que ela estava com uma “isca” indicando sua localização exata.

Diante das informações os agentes se deslocaram até o endereço e encontraram o caminhão com 330 mil maços de cigarros em seu interior – pouco mais da metade do total de itens roubados. A Polícia Civil de Várzea Paulista foi acionada para prestar apoio.

A carga, avaliada em R$ 2 milhões, e o caminhão foram apreendidos e o caso segue sob investigação para localizar os responsáveis pelo roubo e os demais itens subtraídos.

O proprietário do imóvel, um vigilante de 51 anos, foi preso e levado à Delegacia de Polícia de Várzea Paulista, onde foi autuado por receptação.

Polícias Civil e Militar recuperam 330 mil maços de cigarros roubados

Por Redação Rápido no Ar
As Polícias Militar e Civil apreenderam, na manhã desta quinta-feira (30), parte de uma carga de cigarros que havia sido roubada na cidade de Sumaré (SP).

Os produtos estavam armazenados em um caminhão baú, deixado em um imóvel na rua José da Silva Leme, no Núcleo Residencial Sequoia, em Várzea Paulista, no interior do Estado.

Policiais militares do 49° Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM/I) foram abordados por um dos funcionários da empresa de rastreamento da carga e informados que ela estava com uma “isca” indicando sua localização exata.

Diante das informações os agentes se deslocaram até o endereço e encontraram o caminhão com 330 mil maços de cigarros em seu interior – pouco mais da metade do total de itens roubados. A Polícia Civil de Várzea Paulista foi acionada para prestar apoio.

A carga, avaliada em R$ 2 milhões, e o caminhão foram apreendidos e o caso segue sob investigação para localizar os responsáveis pelo roubo e os demais itens subtraídos.

O proprietário do imóvel, um vigilante de 51 anos, foi preso e levado à Delegacia de Polícia de Várzea Paulista, onde foi autuado por receptação.
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!