• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Padre Leandro de Americana vira réu por quatro crimes de abuso e é proibido de sair do Brasil

Por Fernando Covre
A Justiça tornou o Padre Leandro Ricardo, de Americana (SP), réu por quatro crimes envolvendo Atentado Violento ao Pudor entre os anos de 2002 e 2005. A decisão foi tomada pelo juiz Rafael Pavan de Moraes Filgueira, da 1ª Vara Criminal de Araras (SP), que aceitou a denúncia do Ministério Público Estadual (MP-SP).

O Padre Leandro já estava afastado de seu cargo da Basílica de Americana há cerca de dois meses, quando foi denunciado por crimes sexuais.

Além de torná-lo réu, a Justiça ordenou que Leandro não saia do país, para evitar uma possível fuga.

A defesa do Padre se pronunciou e divulgou nota sobre a decisão. Confira:

"A denúncia recebida será integralmente rechaçada durante a produção de provas na instrução processual. Quanto às medidas cautelares determinadas, todas serão cumpridas, salientando-se que o Padre Leandro nunca manteve nenhum contato com a supostas vítimas e ou seus familiares ou com as testemunhas arroladas pela acusação. Confiamos na Justiça e na inocência de nosso cliente".

Padre Leandro de Americana vira réu por quatro crimes de abuso e é proibido de sair do Brasil

Por Fernando Covre
A Justiça tornou o Padre Leandro Ricardo, de Americana (SP), réu por quatro crimes envolvendo Atentado Violento ao Pudor entre os anos de 2002 e 2005. A decisão foi tomada pelo juiz Rafael Pavan de Moraes Filgueira, da 1ª Vara Criminal de Araras (SP), que aceitou a denúncia do Ministério Público Estadual (MP-SP).

O Padre Leandro já estava afastado de seu cargo da Basílica de Americana há cerca de dois meses, quando foi denunciado por crimes sexuais.

Além de torná-lo réu, a Justiça ordenou que Leandro não saia do país, para evitar uma possível fuga.

A defesa do Padre se pronunciou e divulgou nota sobre a decisão. Confira:

"A denúncia recebida será integralmente rechaçada durante a produção de provas na instrução processual. Quanto às medidas cautelares determinadas, todas serão cumpridas, salientando-se que o Padre Leandro nunca manteve nenhum contato com a supostas vítimas e ou seus familiares ou com as testemunhas arroladas pela acusação. Confiamos na Justiça e na inocência de nosso cliente".

INSTAGRAM

Loading interface...
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!