• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Moro diz que clonaram seu celular, 'mas em princípio sem acesso ao conteúdo'

Por Estadão Conteúdo
"Houve uma clonagem, mas, em princípio, sem acesso ao conteúdo", comentou a pessoas próximas o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, após ter de trocar o número de seu celular, que foi hackeado nesta terça-feira, 4.

Alguém ligou para o ministro usando o seu próprio número de celular de Curitiba - que ele prontamente já trocou, por um de Brasília. De acordo com especialistas, quando Moro atendeu a ligação, a invasão foi automática.



Por meio de nota, o Ministério afirmou, nesta quarta-feira, 5, que "ontem houve tentativa de invasão do telefone celular do Ministro da Justiça e Segurança Pública". "Diante da possibilidade de clonagem do número, a referida linha foi abandonada".

"Investigação para apuração dos fatos já está em andamento", afirma.

Veja a nota na íntegra:

"Informamos que ontem houve tentativa de invasão do telefone celular do Ministro da Justiça e Segurança Pública. Diante da possibilidade de clonagem do número, a referida linha foi abandonada. Investigação para apuração dos fatos já está em andamento."

Moro diz que clonaram seu celular, 'mas em princípio sem acesso ao conteúdo'

Por Estadão Conteúdo
"Houve uma clonagem, mas, em princípio, sem acesso ao conteúdo", comentou a pessoas próximas o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, após ter de trocar o número de seu celular, que foi hackeado nesta terça-feira, 4.

Alguém ligou para o ministro usando o seu próprio número de celular de Curitiba - que ele prontamente já trocou, por um de Brasília. De acordo com especialistas, quando Moro atendeu a ligação, a invasão foi automática.



Por meio de nota, o Ministério afirmou, nesta quarta-feira, 5, que "ontem houve tentativa de invasão do telefone celular do Ministro da Justiça e Segurança Pública". "Diante da possibilidade de clonagem do número, a referida linha foi abandonada".

"Investigação para apuração dos fatos já está em andamento", afirma.

Veja a nota na íntegra:

"Informamos que ontem houve tentativa de invasão do telefone celular do Ministro da Justiça e Segurança Pública. Diante da possibilidade de clonagem do número, a referida linha foi abandonada. Investigação para apuração dos fatos já está em andamento."

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!