• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Homem é detido por furto de eletrônicos, mas se livra da acusação por falta de provas

Por Roxane Regly
Equipamentos eletrônicos e documentos foram furtados de dentro de um Fiat Argo na noite de terça-feira (12), dentro do estacionamento de um supermercado em Limeira (SP).

Um estudante, de 20 anos, acionou a Polícia Militar para registrar a ocorrência após encontrar seu veículo com o vidro quebrado. Ele notou que foram furtados um notebook Samsung, uma câmera fotográfica Sony com tripé, duas lentes e um dispositivo de imagem, além de uma bolsa com documentos.

O jovem procurou a equipe de segurança do estabelecimento e anotaram as placas de um veículo que poderia estar envolvido na situação. Após receber o emplacamento, os PMs foram até a residência do proprietário, no Jardim Cavinato.
Na hora que os PMs estavam na casa, o homem chegou com o veículo, mas ao notar a presença da viatura tentou fugir e foi abordado um quarteirão a frente pelos policiais. Ele se comportou de maneira alterada e agressiva com os policiais e foi levado à delegacia.

Apesar da atitude suspeita, ele não tinha nada de ilícito e negou qualquer envolvimento com o crime. Alegou apenas ter ido ao supermercado com um amigo. Ao ser localizado, o segundo suspeito, um homem, de 44 anos, apresentou um comprovante de saque, alegando que esteve no supermercado apenas para usar o caixa eletrônico.

Mais tarde na delegacia um segurança do estabelecimento forneceu imagens de um outro carro, com características diferentes das citadas a princípio, o que livrou os suspeitos da acusação. Eles seguem apenas como investigado no caso, mas como não há provas, foram liberados em seguida.

Homem é detido por furto de eletrônicos, mas se livra da acusação por falta de provas

Por Roxane Regly
Equipamentos eletrônicos e documentos foram furtados de dentro de um Fiat Argo na noite de terça-feira (12), dentro do estacionamento de um supermercado em Limeira (SP).

Um estudante, de 20 anos, acionou a Polícia Militar para registrar a ocorrência após encontrar seu veículo com o vidro quebrado. Ele notou que foram furtados um notebook Samsung, uma câmera fotográfica Sony com tripé, duas lentes e um dispositivo de imagem, além de uma bolsa com documentos.

O jovem procurou a equipe de segurança do estabelecimento e anotaram as placas de um veículo que poderia estar envolvido na situação. Após receber o emplacamento, os PMs foram até a residência do proprietário, no Jardim Cavinato.
Na hora que os PMs estavam na casa, o homem chegou com o veículo, mas ao notar a presença da viatura tentou fugir e foi abordado um quarteirão a frente pelos policiais. Ele se comportou de maneira alterada e agressiva com os policiais e foi levado à delegacia.

Apesar da atitude suspeita, ele não tinha nada de ilícito e negou qualquer envolvimento com o crime. Alegou apenas ter ido ao supermercado com um amigo. Ao ser localizado, o segundo suspeito, um homem, de 44 anos, apresentou um comprovante de saque, alegando que esteve no supermercado apenas para usar o caixa eletrônico.

Mais tarde na delegacia um segurança do estabelecimento forneceu imagens de um outro carro, com características diferentes das citadas a princípio, o que livrou os suspeitos da acusação. Eles seguem apenas como investigado no caso, mas como não há provas, foram liberados em seguida.

INSTAGRAM

Loading interface...
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!