• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Confira o que está permitido ou proibido em Limeira com o novo decreto

Por Leticia Viganó
A Prefeitura de Limeira (SP) disponibilizou a íntegra do decreto editado ontem, que coloca a cidade em estado de calamidade pública. Além disso, o novo documento impõe quarentena para restrição de atividades até o dia 7 de abril.

O atendimento presencial ao público em estabelecimentos comerciais e prestadores de serviços, especialmente casas noturnas, shoppings, galerias, academias, entre outros, está suspenso. A medida também vale para comércios que permitem consumo no local, como restaurantes, lanchonetes, trailers e padarias, com exceção daqueles que oferecem delivery e drive thru.

Para o comerciante que desrespeitar a quarentena, estão previstas punições como multa de R$ 5 mil, cassação do alvará e interdição do estabelecimento.

As atividades para serviços ligados à saúde, como farmácias, clínicas e hospitais estão liberadas, bem como para limpeza, lavanderias, hotelarias, oficinas, feiras livres (somente quanto a hortifrutigranjeiro), borracharias, entre outros.

Clique aqui e veja o documento na íntegra.

Confira o que está permitido ou proibido em Limeira com o novo decreto

Por Leticia Viganó
A Prefeitura de Limeira (SP) disponibilizou a íntegra do decreto editado ontem, que coloca a cidade em estado de calamidade pública. Além disso, o novo documento impõe quarentena para restrição de atividades até o dia 7 de abril.

O atendimento presencial ao público em estabelecimentos comerciais e prestadores de serviços, especialmente casas noturnas, shoppings, galerias, academias, entre outros, está suspenso. A medida também vale para comércios que permitem consumo no local, como restaurantes, lanchonetes, trailers e padarias, com exceção daqueles que oferecem delivery e drive thru.

Para o comerciante que desrespeitar a quarentena, estão previstas punições como multa de R$ 5 mil, cassação do alvará e interdição do estabelecimento.

As atividades para serviços ligados à saúde, como farmácias, clínicas e hospitais estão liberadas, bem como para limpeza, lavanderias, hotelarias, oficinas, feiras livres (somente quanto a hortifrutigranjeiro), borracharias, entre outros.

Clique aqui e veja o documento na íntegra.

INSTAGRAM

Loading interface...
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!