• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Após ‘saidinha’ de fim de ano, 155 presos não retornam na região

Por Fernando Covre
As penitenciarias das cidades de Campinas (SP), Hortolândia (SP) e Piracicaba (SP) somaram 155 detentos foragidos que não retornaram após a “saidinha” de final de ano. Os dados são da SAP (Secretaria de Administração Penitenciária).

Na região, foram beneficiados 3.485 detentos com a “saidinha”. Eles deixaram as penitenciárias no dia 20 de dezembro de 2019 e tinham até o dia 2 de janeiro de 2020 para retornar, porém 155 não voltaram.

Podem conseguir o direito de saída os detentos que cumprem regime semiaberto e que exerçam o bom comportamento. Com o benefício, eles podem ficar até sete dias fora por até cinco vezes no ano.

Confira os números das penitenciárias da região:

Penitenciária III de Hortolândia

Presos beneficiados: 137
Presos que voltaram: 129
Foragidos: 8

Penitenciária Odete Leite de Campos Critter (Hortolândia)

Presos beneficiados: 160
Presos que voltaram: 148
Foragidos: 12

Centro de Progressão Penitenciária Professor Ataliba Nogueira (Campinas)

Presos beneficiados: 1.839
Presos que voltaram: 1.763
Foragidos: 76

Centro de Progressão Penitenciária de Hortolândia

Presos beneficiados: 1.040
Presos que voltaram: 992
Foragidos: 48

Penitenciária Feminina de Campinas

Presos beneficiados: 21
Presos que voltaram: 20
Foragidos: 1

Centro de Detenção Provisória (CDP) Nelson Furlan de Piracicaba
Presos beneficiados: 43
Presos que voltaram: 41
Foragidos: 2

Centro de Ressocialização Feminino Carlos Cantarelli de Piracicaba
Presos beneficiados: 83
Presos que voltaram: 82
Foragidos: 1
Penitenciária de Piracicaba
Presos beneficiados: 162
Presos que voltaram: 155
Foragidos: 7

Após ‘saidinha’ de fim de ano, 155 presos não retornam na região

Por Fernando Covre
As penitenciarias das cidades de Campinas (SP), Hortolândia (SP) e Piracicaba (SP) somaram 155 detentos foragidos que não retornaram após a “saidinha” de final de ano. Os dados são da SAP (Secretaria de Administração Penitenciária).

Na região, foram beneficiados 3.485 detentos com a “saidinha”. Eles deixaram as penitenciárias no dia 20 de dezembro de 2019 e tinham até o dia 2 de janeiro de 2020 para retornar, porém 155 não voltaram.

Podem conseguir o direito de saída os detentos que cumprem regime semiaberto e que exerçam o bom comportamento. Com o benefício, eles podem ficar até sete dias fora por até cinco vezes no ano.

Confira os números das penitenciárias da região:

Penitenciária III de Hortolândia

Presos beneficiados: 137
Presos que voltaram: 129
Foragidos: 8

Penitenciária Odete Leite de Campos Critter (Hortolândia)

Presos beneficiados: 160
Presos que voltaram: 148
Foragidos: 12

Centro de Progressão Penitenciária Professor Ataliba Nogueira (Campinas)

Presos beneficiados: 1.839
Presos que voltaram: 1.763
Foragidos: 76

Centro de Progressão Penitenciária de Hortolândia

Presos beneficiados: 1.040
Presos que voltaram: 992
Foragidos: 48

Penitenciária Feminina de Campinas

Presos beneficiados: 21
Presos que voltaram: 20
Foragidos: 1

Centro de Detenção Provisória (CDP) Nelson Furlan de Piracicaba
Presos beneficiados: 43
Presos que voltaram: 41
Foragidos: 2

Centro de Ressocialização Feminino Carlos Cantarelli de Piracicaba
Presos beneficiados: 83
Presos que voltaram: 82
Foragidos: 1
Penitenciária de Piracicaba
Presos beneficiados: 162
Presos que voltaram: 155
Foragidos: 7

INSTAGRAM

Loading interface...
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!