• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Policiamento marítimo apreende 7,5 toneladas de peixes no litoral paulista

Por Redação Rápido no Ar
A Polícia Militar Ambiental flagrou 12 pessoas realizando pesca irregular, neste domingo (31), em Guarujá, no litoral sul de São Paulo. Na ação, mais de sete toneladas de peixes foram apreendidos e quase R$ 4 milhões em multas aplicadas.

Equipes da Companhia Marítima, do 3º Batalhão de Polícia Ambiental (BPAmb) realizavam monitoramento, em conjunto com a Fundação Florestal, quando abordou duas embarcações pesqueiras dentro da Área de Proteção Ambiental Marinha do Litoral Centro (APAMLC), espaço onde a pesca de emalhe é proibida.

As embarcações foram escoltadas até o terminal de descarga, onde foi verificado que um dos 12 tripulantes não possuía a devida licença para exercer atividade de pesca. Além disso, foram contabilizados um total de 7,5 toneladas de peixes diversos.

Os barcos, o pescado e duas redes de emalhe com 13 quilômetros de comprimento cada foram apreendidos. O flagrante resultou na elaboração de 12 Autos de Infração Ambiental (AIA) por “Pescar em local proibido” e um por “Exercer a pesca sem a licença do órgão ambiental competente”, totalizando R$ 3.918.200,00 em multas.

Policiamento marítimo apreende 7,5 toneladas de peixes no litoral paulista

Por Redação Rápido no Ar
A Polícia Militar Ambiental flagrou 12 pessoas realizando pesca irregular, neste domingo (31), em Guarujá, no litoral sul de São Paulo. Na ação, mais de sete toneladas de peixes foram apreendidos e quase R$ 4 milhões em multas aplicadas.

Equipes da Companhia Marítima, do 3º Batalhão de Polícia Ambiental (BPAmb) realizavam monitoramento, em conjunto com a Fundação Florestal, quando abordou duas embarcações pesqueiras dentro da Área de Proteção Ambiental Marinha do Litoral Centro (APAMLC), espaço onde a pesca de emalhe é proibida.

As embarcações foram escoltadas até o terminal de descarga, onde foi verificado que um dos 12 tripulantes não possuía a devida licença para exercer atividade de pesca. Além disso, foram contabilizados um total de 7,5 toneladas de peixes diversos.

Os barcos, o pescado e duas redes de emalhe com 13 quilômetros de comprimento cada foram apreendidos. O flagrante resultou na elaboração de 12 Autos de Infração Ambiental (AIA) por “Pescar em local proibido” e um por “Exercer a pesca sem a licença do órgão ambiental competente”, totalizando R$ 3.918.200,00 em multas.

INSTAGRAM

Loading interface...
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!