• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Polícia Militar mata seis suspeitos durante operação em Angra dos Reis

Por Estadão Conteúdo
Seis suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas foram mortos pela Polícia Militar durante operação no Parque Belém, em Angra dos Reis, na Costa Verde fluminense, na madrugada desta segunda-feira, 12. Em retaliação, dois ônibus foram incendiados na Rodovia Rio-Santos, na altura do bairro Sapinhatuba II, cerca de uma hora depois. A pista chegou a ser interditada parcialmente no km 475 e foi liberada três horas depois.

Ainda na manhã de domingo, 11, a PM recebeu denúncia de que traficantes se encontrariam em uma festa, a partir das 16h, na Rua do Meio, no Belém. Policiais se dirigiram ao local, foram recebidos a tiros e revidaram. Uma bala perdida feriu um morador dentro de um supermercado. Um policial também foi baleado na mão e atendido em um hospital.

Um homem apontado como chefe do tráfico de drogas no Belém foi preso. Segundo a PM, com ele foram apreendidos um fuzil de fabricação americana, carregadores e 40 munições. Ele vai responder por tentativa de homicídio, porte ilegal de arma de fogo de calibre restrito e associação para o tráfico de drogas.

Já durante a madrugada de segunda-feira, outra denúncia levou a PM a uma casa onde traficantes estariam reunidos. Os policiais precisaram quebrar o muro do imóvel e foram recebidos a tiros por cerca de 20 homens armados com fuzis e pistolas. Sete pessoas foram baleadas e levadas ao hospital, onde seis morreram Segundo a PM, foram apreendidos três fuzis, duas espingardas calibre 12 e uma pistola calibre 9 mm.

A operação se estendeu até o final da manhã desta segunda-feira.

Em 4 de maio, o governador Wilson Witzel (PSC) sobrevoou Angra dos Reis em um helicóptero da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) da Polícia Civil e prometeu acabar com a criminalidade na cidade. Durante o voo, um policial fez disparos em direção a tendas identificadas como esconderijos de criminosos. Na verdade, eram locais usados por religiosos que vão orar no Monte do Campo Belo.

Polícia Militar mata seis suspeitos durante operação em Angra dos Reis

Por Estadão Conteúdo
Seis suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas foram mortos pela Polícia Militar durante operação no Parque Belém, em Angra dos Reis, na Costa Verde fluminense, na madrugada desta segunda-feira, 12. Em retaliação, dois ônibus foram incendiados na Rodovia Rio-Santos, na altura do bairro Sapinhatuba II, cerca de uma hora depois. A pista chegou a ser interditada parcialmente no km 475 e foi liberada três horas depois.

Ainda na manhã de domingo, 11, a PM recebeu denúncia de que traficantes se encontrariam em uma festa, a partir das 16h, na Rua do Meio, no Belém. Policiais se dirigiram ao local, foram recebidos a tiros e revidaram. Uma bala perdida feriu um morador dentro de um supermercado. Um policial também foi baleado na mão e atendido em um hospital.

Um homem apontado como chefe do tráfico de drogas no Belém foi preso. Segundo a PM, com ele foram apreendidos um fuzil de fabricação americana, carregadores e 40 munições. Ele vai responder por tentativa de homicídio, porte ilegal de arma de fogo de calibre restrito e associação para o tráfico de drogas.

Já durante a madrugada de segunda-feira, outra denúncia levou a PM a uma casa onde traficantes estariam reunidos. Os policiais precisaram quebrar o muro do imóvel e foram recebidos a tiros por cerca de 20 homens armados com fuzis e pistolas. Sete pessoas foram baleadas e levadas ao hospital, onde seis morreram Segundo a PM, foram apreendidos três fuzis, duas espingardas calibre 12 e uma pistola calibre 9 mm.

A operação se estendeu até o final da manhã desta segunda-feira.

Em 4 de maio, o governador Wilson Witzel (PSC) sobrevoou Angra dos Reis em um helicóptero da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) da Polícia Civil e prometeu acabar com a criminalidade na cidade. Durante o voo, um policial fez disparos em direção a tendas identificadas como esconderijos de criminosos. Na verdade, eram locais usados por religiosos que vão orar no Monte do Campo Belo.

INSTAGRAM

Loading interface...
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!