• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Novo vírus da gripe com potencial de pandemia é identificado por cientistas na China

Por Leticia Viganó
Uma nova cepa do vírus da gripe com potencial pandêmico foi identificada na China. Um recente estudo do vírus influenza, causador da gripe, surgiu recentemente e tem os porcos como hospedeiros, mas pode infectar seres humanos, segundo os pesquisadores.

Exames feitos em 338 trabalhadores da indústria de carne suína mostram que 10% deles já estavam infectados. Os cientistas se preocupam com o fato de que a cepa poderia sofrer uma mutação maior e se espalhar de pessoa para pessoa, desencadeando um surto global. Segundo os cientistas o vírus pode crescer e se multiplicar nas células que revestem as vias aéreas humanas.

A descrição do novo vírus foi relatada na revista científica Proceedings of the National Academy os Sciences (PNAS), dos Estados Unidos. De acordo com os pesquisadores, a cepa tem “todas as características” de ser altamente adaptável para infectar seres humanos e precisa ser monitorado de perto. Por se tratar de uma nova linhagem do vírus influenza, as pessoas podem ter pouca ou nenhuma imunidade a ela.

O novo vírus tem o nome provisório G4 EA H1N1 e é semelhante ao da gripe suína de 2009, que matou cerca de 250 mil pessoas no mundo, porém possui algumas caraterísticas que o tornam mais agressivo. As vacinas contra a gripe atuais não são eficientes para proteger contra isso.

Novo vírus da gripe com potencial de pandemia é identificado por cientistas na China

Por Leticia Viganó
Uma nova cepa do vírus da gripe com potencial pandêmico foi identificada na China. Um recente estudo do vírus influenza, causador da gripe, surgiu recentemente e tem os porcos como hospedeiros, mas pode infectar seres humanos, segundo os pesquisadores.

Exames feitos em 338 trabalhadores da indústria de carne suína mostram que 10% deles já estavam infectados. Os cientistas se preocupam com o fato de que a cepa poderia sofrer uma mutação maior e se espalhar de pessoa para pessoa, desencadeando um surto global. Segundo os cientistas o vírus pode crescer e se multiplicar nas células que revestem as vias aéreas humanas.

A descrição do novo vírus foi relatada na revista científica Proceedings of the National Academy os Sciences (PNAS), dos Estados Unidos. De acordo com os pesquisadores, a cepa tem “todas as características” de ser altamente adaptável para infectar seres humanos e precisa ser monitorado de perto. Por se tratar de uma nova linhagem do vírus influenza, as pessoas podem ter pouca ou nenhuma imunidade a ela.

O novo vírus tem o nome provisório G4 EA H1N1 e é semelhante ao da gripe suína de 2009, que matou cerca de 250 mil pessoas no mundo, porém possui algumas caraterísticas que o tornam mais agressivo. As vacinas contra a gripe atuais não são eficientes para proteger contra isso.

INSTAGRAM

Loading interface...
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!