• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Mulher é agredida dois dias seguidos e vizinhos chamam GCM para prender companheiro em Limeira

Por Roxane Regly
Um indivíduo, de 44 anos, foi preso na noite de segunda-feira (29) após agredir e ameaçar sua esposa, de 31 anos, pelo segundo dia consecutivo. A Guarda Civil Municipal foi chamada por vizinhos que ouviram a violência doméstica.



Segundo o boletim de ocorrência, os GCMs Rodolfo e Custódio foram acionados pelos vizinhos que ouviram os gritos da mulher. Ela relatou aos guardas que no domingo (28), após uma discussão, teria sido agredida com chutes e socos pelo marido.

Ele também teria arremessado uma TV contra ela, a machucando, mas teve medo de procurar a Polícia, assim como ao longo de todo o relacionamento.

Aos GCMs o homem alegou que estava sob influência de álcool, por isso teria cometido a agressão. A mulher confirmou que além da bebida alcoólica, seu marido é usuário de cocaína. Ele fica muito agressivo sob o efeito de entorpecentes e costuma dizer que vai matá-la.

O homem foi preso em flagrante e encarcerado por violência doméstica, lesão corporal e ameaça. A mulher deve ser acompanhada pela DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) e receber medida protetiva para afastar o indivíduo de seu convívio.

Mulher é agredida dois dias seguidos e vizinhos chamam GCM para prender companheiro em Limeira

Por Roxane Regly
Um indivíduo, de 44 anos, foi preso na noite de segunda-feira (29) após agredir e ameaçar sua esposa, de 31 anos, pelo segundo dia consecutivo. A Guarda Civil Municipal foi chamada por vizinhos que ouviram a violência doméstica.



Segundo o boletim de ocorrência, os GCMs Rodolfo e Custódio foram acionados pelos vizinhos que ouviram os gritos da mulher. Ela relatou aos guardas que no domingo (28), após uma discussão, teria sido agredida com chutes e socos pelo marido.

Ele também teria arremessado uma TV contra ela, a machucando, mas teve medo de procurar a Polícia, assim como ao longo de todo o relacionamento.

Aos GCMs o homem alegou que estava sob influência de álcool, por isso teria cometido a agressão. A mulher confirmou que além da bebida alcoólica, seu marido é usuário de cocaína. Ele fica muito agressivo sob o efeito de entorpecentes e costuma dizer que vai matá-la.

O homem foi preso em flagrante e encarcerado por violência doméstica, lesão corporal e ameaça. A mulher deve ser acompanhada pela DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) e receber medida protetiva para afastar o indivíduo de seu convívio.

INSTAGRAM

Loading interface...
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!