Motociclista denuncia e Polícia Civil detém 2 por tráfico em Limeira

A Polícia Civil de Limeira (SP), por meio da Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise) e do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra), deteve nesta semana dois jovens no Parque Nossa das Dores por envolvimento com tráfico de drogas. A localização deles ocorreu após denúncia de um motociclista.

Os policiais estavam na Avenida Pedro Zaccaria quando foram abordados pelo ocupante da moto. Ele informou que ocorria tráfico de drogas próximo de um bar na Avenida Jaime Cheque e que os entorpecentes eram escondidos num cano d’água na Rua Romeu Mesquita. Além dos locais, o motociclista descreveu as características dos suspeitos, como roupa que usavam e aparência física.

Com os dados, os policiais foram ao endereço, viram quatro homens e perceberam que dois tinham as mesmas características apontadas pelo denunciante. Todos foram abordados e, durante a revista, um deles descartou um flaconete no chão. Ele ainda portava R$ 476.

Questionado, a princípio negou que a porção lhe pertencia, mas depois confessou que tinha adquirido para uso próprio. Quanto ao dinheiro, afirmou que era proveniente da venda de um cavalo.

Entre as pessoas abordadas também estava um adolescente, que portava R$ 60 e, próximo dele, num vaso grande em frente ao bar, havia seis flaconetes com cocaína e eles eram idênticos aos que havia sido dispensado pelo primeiro.

O adolescente assumiu a propriedade da droga e confessou que traficava. Na Rua Romeu Mesquita, o segundo endereço mencionado pelo denunciante, os policiais localizaram mais 84 flaconetes com cocaína que estavam no cano de uma calçada.

Os dois foram levados à Dise e o mais velho disse que não adquiriu a droga do adolescente, embora a porção dispensada por ele fosse semelhante aos demais que pertenciam ao menor. O menor também negou ter feito a venda.

O delegado Siddhartha Carneiro Leão determinou a apreensão do adolescente, por ato infracional de tráfico de entorpecentes, e o maior foi qualificado por porte de droga para uso pessoal. Ele foi liberado.

Compartilhe!