• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Coreia do Norte dispara primeiros projéteis desde novembro

Por Agência Brasil
As Forças Armadas da Coreia do Sul afirmam que a Coreia do Norte disparou dois projéteis em direção ao Mar do Japão, o que seria o primeiro lançamento do tipo desde novembro do ano passado.

Segundo o chefe do Estado-Maior, dois projéteis foram disparados de uma localidade próxima à cidade de Wonsan, no leste do país, por volta das 12h37, horário local.

Os projéteis teriam voado uma distância de cerca de 240 quilômetros (km) e alcançado uma altitude de cerca de 35 km. As Forças Armadas dos Estados Unidos e da Coreia do Sul estão fazendo análises mais detalhadas.

Entre maio e novembro de 2019, Pyongyang lançou projéteis em 13 ocasiões.

No ano passado, o líder Kim Jong Un sugeriu que poderia reconsiderar uma promessa de suspender testes nucleares e de mísseis balísticos intercontinentais. Afirmou também que o mundo iria ver, em breve, uma "nova arma estratégica".

Analistas dizem que o último lançamento é provavelmente uma tentativa de Kim Jong Un mostrar sua postura linha dura, e também de demonstrar a melhora na tecnologia dos armamentos da Coreia do Norte, com o fim de obter concessões por parte dos Estados Unidos.

Coreia do Norte dispara primeiros projéteis desde novembro

Por Agência Brasil
As Forças Armadas da Coreia do Sul afirmam que a Coreia do Norte disparou dois projéteis em direção ao Mar do Japão, o que seria o primeiro lançamento do tipo desde novembro do ano passado.

Segundo o chefe do Estado-Maior, dois projéteis foram disparados de uma localidade próxima à cidade de Wonsan, no leste do país, por volta das 12h37, horário local.

Os projéteis teriam voado uma distância de cerca de 240 quilômetros (km) e alcançado uma altitude de cerca de 35 km. As Forças Armadas dos Estados Unidos e da Coreia do Sul estão fazendo análises mais detalhadas.

Entre maio e novembro de 2019, Pyongyang lançou projéteis em 13 ocasiões.

No ano passado, o líder Kim Jong Un sugeriu que poderia reconsiderar uma promessa de suspender testes nucleares e de mísseis balísticos intercontinentais. Afirmou também que o mundo iria ver, em breve, uma "nova arma estratégica".

Analistas dizem que o último lançamento é provavelmente uma tentativa de Kim Jong Un mostrar sua postura linha dura, e também de demonstrar a melhora na tecnologia dos armamentos da Coreia do Norte, com o fim de obter concessões por parte dos Estados Unidos.

INSTAGRAM

Loading interface...
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!