• Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram

Após 20 anos, ‘Sexta-Feira 13’ terá lua cheia e a próxima acontece só em 2049

Por Redação Rápido no Ar
Esta ‘Sexta-Feira 13’ será de lua cheia, uma junção mística que ocorreu pela última vez em 13 de outubro de 2000, há quase 20 anos. O próximo evento como o de hoje deverá ocorrer apenas no dia 13 agosto de 2049, ou seja, daqui 30 anos.

A data será agraciada com a presença de uma lua cheia especial, conhecida como 'lua da colheita' nos Estados Unidos.

O nome ' lua da colheita ' vem do fato de ela ser muito brilhante e acontecer perto do início do outono, conhecido como equinócio de outono, quando os fazendeiros começam a realizar as colheitas no hemisfério norte.


O DIA

“Sexta-Feira 13” é popularmente conhecido como o dia do azar. Pode ocorrer em qualquer mês e em qualquer ano, quando o dia 13 cai numa sexta-feira. O número 13 tem sido mal interpretado há muito tempo e serviu de inspiração nos filmes do Sexta feira,13.

Em algumas culturas, ele pode ter sido considerado número de sorte. Não há nenhuma evidência de que o 13 tenha sido considerado um número de azar pelas culturas antigas. Pelo contrário, muitos povos o consideravam um número sagrado.
Para os egípcios, a vida era composta por 12 diferentes estágios para que o ser humano alcance o 13º, que era a vida eterna. Dessa forma, o número 13 foi assimilado com a morte, mas não com uma conotação negativa, mas como uma gloriosa transformação. Essa ligação com a morte permaneceu e foi distorcida por outras culturas que nutriam o medo da morte e não a viam como algo presente no destino de qualquer vida.

A evidência de que as culturas primitivas reverenciavam o 13 pode ser constatada por meio de vários vestígios arqueológicos, como a Vênus de Laussel, uma estatueta com mais de 27 mil anos encontrada na França, que carrega em suas mãos um chifre em forma de crescente lunar com 13 chanfros.

Existem histórias remontadas também pela mitologia nórdica. Na primeira delas, conta-se que houve um banquete e 12 deuses foram convidados. Loki, espírito do mal e da discórdia, apareceu sem ser chamado e armou uma briga que terminou com a morte de Balder, o favorito dos deuses. Há também quem acredite que convidar 13 pessoas para um jantar é uma desgraça, simplesmente porque os conjuntos de mesa são constituídos, regra geral, por 12 copos, 12 talheres e 12 pratos.

Segundo outra versão, a deusa do amor e da beleza era Friga (que deu origem a frigadag, sexta-feira). Quando as tribos nórdicas e alemãs se converteram ao cristianismo, Friga foi transformada em bruxa. Como vingança, ela passou a se reunir todas as sextas com outras 11 bruxas e o demônio, os 13 ficavam rogando pragas aos humanos. Da Escandinava a superstição espalhou-se pela Europa.


Mas, e o gato preto dá azar?

Gatos ou cachorros pretos não trazem azar algum. Na Pérsia antiga, eles eram considerados “espíritos amigos”, enviados para fazer companhia para os seres humanos. Na Idade Média, quando houve a caça às bruxas, é que o símbolo do gato preto foi associado ao mal, fazendo com que os gatos pretos fossem perseguidos pela inquisição.

Muito tempo se passou depois disso, mas até hoje, algumas pessoas acreditam que os bichinhos pretos causam algum mal ou trazem azar, e acreditam ter o direito de utilizá-los em rituais de tortura.


Adoção de pets pretos

Ainda hoje, os gatinhos pretos ocupam o último lugar na lista de preferência dos adotantes, ficando anos e anos a espera de um humano para lhes dar o amor e carinho que tanto merecem.

As ONGs de amparo animal costumam fazer diversos questionários quando se trata da adoção de um pet com pelos todos pretos, uma pesquisa mais aprofundada do que o normal e, em épocas de Dia das Bruxas, Sextas-Feiras 13, estes pets não são doados!

Após 20 anos, ‘Sexta-Feira 13’ terá lua cheia e a próxima acontece só em 2049

Por Redação Rápido no Ar
Esta ‘Sexta-Feira 13’ será de lua cheia, uma junção mística que ocorreu pela última vez em 13 de outubro de 2000, há quase 20 anos. O próximo evento como o de hoje deverá ocorrer apenas no dia 13 agosto de 2049, ou seja, daqui 30 anos.

A data será agraciada com a presença de uma lua cheia especial, conhecida como 'lua da colheita' nos Estados Unidos.

O nome ' lua da colheita ' vem do fato de ela ser muito brilhante e acontecer perto do início do outono, conhecido como equinócio de outono, quando os fazendeiros começam a realizar as colheitas no hemisfério norte.


O DIA

“Sexta-Feira 13” é popularmente conhecido como o dia do azar. Pode ocorrer em qualquer mês e em qualquer ano, quando o dia 13 cai numa sexta-feira. O número 13 tem sido mal interpretado há muito tempo e serviu de inspiração nos filmes do Sexta feira,13.

Em algumas culturas, ele pode ter sido considerado número de sorte. Não há nenhuma evidência de que o 13 tenha sido considerado um número de azar pelas culturas antigas. Pelo contrário, muitos povos o consideravam um número sagrado.
Para os egípcios, a vida era composta por 12 diferentes estágios para que o ser humano alcance o 13º, que era a vida eterna. Dessa forma, o número 13 foi assimilado com a morte, mas não com uma conotação negativa, mas como uma gloriosa transformação. Essa ligação com a morte permaneceu e foi distorcida por outras culturas que nutriam o medo da morte e não a viam como algo presente no destino de qualquer vida.

A evidência de que as culturas primitivas reverenciavam o 13 pode ser constatada por meio de vários vestígios arqueológicos, como a Vênus de Laussel, uma estatueta com mais de 27 mil anos encontrada na França, que carrega em suas mãos um chifre em forma de crescente lunar com 13 chanfros.

Existem histórias remontadas também pela mitologia nórdica. Na primeira delas, conta-se que houve um banquete e 12 deuses foram convidados. Loki, espírito do mal e da discórdia, apareceu sem ser chamado e armou uma briga que terminou com a morte de Balder, o favorito dos deuses. Há também quem acredite que convidar 13 pessoas para um jantar é uma desgraça, simplesmente porque os conjuntos de mesa são constituídos, regra geral, por 12 copos, 12 talheres e 12 pratos.

Segundo outra versão, a deusa do amor e da beleza era Friga (que deu origem a frigadag, sexta-feira). Quando as tribos nórdicas e alemãs se converteram ao cristianismo, Friga foi transformada em bruxa. Como vingança, ela passou a se reunir todas as sextas com outras 11 bruxas e o demônio, os 13 ficavam rogando pragas aos humanos. Da Escandinava a superstição espalhou-se pela Europa.


Mas, e o gato preto dá azar?

Gatos ou cachorros pretos não trazem azar algum. Na Pérsia antiga, eles eram considerados “espíritos amigos”, enviados para fazer companhia para os seres humanos. Na Idade Média, quando houve a caça às bruxas, é que o símbolo do gato preto foi associado ao mal, fazendo com que os gatos pretos fossem perseguidos pela inquisição.

Muito tempo se passou depois disso, mas até hoje, algumas pessoas acreditam que os bichinhos pretos causam algum mal ou trazem azar, e acreditam ter o direito de utilizá-los em rituais de tortura.


Adoção de pets pretos

Ainda hoje, os gatinhos pretos ocupam o último lugar na lista de preferência dos adotantes, ficando anos e anos a espera de um humano para lhes dar o amor e carinho que tanto merecem.

As ONGs de amparo animal costumam fazer diversos questionários quando se trata da adoção de um pet com pelos todos pretos, uma pesquisa mais aprofundada do que o normal e, em épocas de Dia das Bruxas, Sextas-Feiras 13, estes pets não são doados!
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
© Rápido no Ar ® - O que acontece você vê!